badge

A Pitoquinha

gosto tanto de ti que nem sei

10.5.06

E se fossem 2?

Como já tinha dito ontem o primo D. veio dormir a nossa casa.
Chegou e foi direitino com a pitoca para a banheira.
Banheira cheia de água e miudos lá para dentro.
Antes disso tirei tudo, shampoos e amanciadores, gel de banho, sabonetes, cremes, tudo o que estava na banheira, para cima da bancada do lavatório. Ficou só 1 esponja e uns brinquedos.
Vim a correr meter o peixe-espada no forno para grelhar, o arroz estava pronto e o feijão branco também. Ainda meti os pratos na mesa e fui fazer uma chamada telefónica (motivo: trabalho) enquanto eles supostamente se molhavam e brincavam na banheira.
Há que explicar que são ambos da mesma idade: ela 10/04/2003; ele: 10/06/2003, portanto quase gémeos.
Virei o peixe e pedi ao papis que fosse ver se estava tudo bem enquanto acabava de pôr a mesa.
Fui lá acima para ajudar.
Entrei na casa de banho e o chão estava um bocado molhado, o papis estava a acabar de lavar a pitoca enquanto o D. nadava. Olhou para mim e disse:
- Tu por acaso tiraste tudo da banheira?
- Tirei.
- E o broncoliber? É que eles estavam a beber cházinho. O frasco está vazio...
A pitoca disse logo que não foi ela.
O xarope estava em cima da bancada...
Ok. Era muito pouco, nos próximos tempos não tem tosse.
Enquano o papis limpava a miuda eu lavei o rapaz. Ficou ele a secar-lhes o cabelo.
Vimos para a mesa.
Sopa. Fita. Brincadeira. Copos de água entornados. Castigo, sopa sem copo de água. Choro. Ela quer ganhar mas ele acaba a sopa primeiro. Choro.
Peixe. Só com arroz, feijão não, blhac.
Ele levanta-se a meio do jantar, ralho, senta-se e diz:
- Posso sair da mesa? Não quero comer mais que estou muito cansado.
Ela diz que também não tem fome.
Com alguma conversa lá acabam por comer tudo. Bebem uma daquelas frutas novas, ara ser ais rápido e pratico que nós também precisamos de paz na mesa.
Vão ver a Floribela. Ele aborrece-se rápido. Ela chateia-se porque quer ver e ele não deixa.
Cama. Lavar dentes, xixis, fradas. Fita.
Ela quer que ele durma na cama com ela, diz que se encosta às grades. Há choro, refila, ele ri.
Deitam-se finalmente.
Como sempe o papis ainda tem que ir ao quarto 2 vezes. Depois fui eu porque o D. me chamou, queria fazer xixi. Já tinha feito na fralda, resultado muda fralda, limpa rabo, volta a deitar, mas quer água. Ela também quer xixi, já fez também, muda fralda, limpa rabo, quer água também e deita-se.
Ralho, se oiço mais um piu o D. vai direitinho para casa dele sem pasar na casa da partida.
O papis ainda volta mais uma vez lá acima, o D. já dorme, mas ele que miminhos.
Finalmente ficamos sós, mas com isto já são 23h. Vou deitar-me.
Hoje a alvorada foi às 8h30m.
Ela acordou e começou a chamar o primo, depois chamu-me a mim, o primo acordou e saltou para fora da cama (cama portátil) e disse:
- Eu vou chamar a tua mãe, espera.
Vão beber leitinho e comer umas bolachas. Desenhos animados.
Lavar, vestir, mas antes disso ainda há tempo para "destruir" o quarto.
Vamos apanhar ar,beber café, brincar um bocadinho no jardim antes de ir embora.
Há fita para sair de casa, ele quer levar o carrinho das compras, eu digo que é melhor não porque vamos a pé, há carros, é perigoso, mas ele diz que me dá uma mão e a outra agarra o carro. Consigo convencê-lo a deixar carrinho dentro do meu carro. Depois do café vamos ao jardim.
Correm, gritam, cantam. Ele quer xixi, rapaz não é grave, ela também.
Ok, agora vamos embora.
Ufff.
É cansativo mas a viagem é muito engraçada.
É giro ouvir as conversas dos 2. É giro ouvi-los a cantar. É giro ouvir as gargalhadas dele com as macacadas dela.

Balanço:
- WC completamente molhado, toalhado, pijamado.
- Quarto comletamente desarrumado, pintado, engarrafado (de camas).
- Cozinha completamente espalhada
- Sala na mesma.
- Ele muito obediente (aqui em casa).
- Ela muito fiteira (aqui em casa).
- Ele sempre a rir.
- Ela sempre a chorar.

Se fossem 2?
Eu vou-me mentalizando que se fossem 2 estavamos habituados e organizados para isso, que os hábitos e costumes seriam diferentes. Mas e com que diferença de idades?
Tou arrasada.

2 Comments:

At 11:39 da manhã, Blogger penduraocalhas said...

Adorei ler esta vossa passagem , eu tenho um pequenino bem grande de 4 anos ( Eduardinho) e vou ter outro ou outra lá para o final do ano.Se for rebelde como este vou ter de certeza muitas passagens dessas e agora dá-me vontade de rir se calhar na altura vai-me dar é vontade de chorar.Beijinhos da Tânia

 
At 2:10 da tarde, Blogger Tia Cremilde said...

socorro! fiquei cansada só de ler esta aventura!

 

Enviar um comentário

<< Home

Estou no Blog.com.pt